Casa » Direito » Contratos e disputas » O que é imperícia jurídica?

O que é imperícia jurídica?

Imperícia jurídica é um conceito simples de entender. Resultados de imperícia quando um advogado não executa até o padrão do advogado”médio” em circunstâncias semelhantes. Há um geral “padrão de cuidados” que está implícito em qualquer relacionamento advogado-cliente real. Provar uma violação dentro do padrão de cuidados é o propósito central de uma imperícia experimental.

Tipos

Existem vários meios de provar negligência jurídica. A primeira é a simple negligência. A segunda é a falta de “dever fiduciário”, que significa que o advogado colocar seus próprios interesses à frente do seu cliente. O último é quebra de contrato, que geralmente significa que o advogado não se aderiu ao padrão geral do advogado”médio” em um caso semelhante. O ponto é provar negligência. A negligência deve ser tal que somente aquele que foi intencionalmente rejeitando interesse do seu cliente poderia ter possivelmente errou nessa maneira. Este é um alto padrão de prova.

Características

Quatro coisas devem ser na existência de acusação bem-sucedida de um caso de negligência. A existência de uma relação de advogado-cliente é central. É este contrato que define o padrão básico de cuidado. Em segundo lugar, deve haver a existência de algum tipo de negligência com base na competência “média advogado”. Em terceiro lugar, por negligência ou outro tipo de negligência deve ser a causa proximate da lesão, e por último, o prejuízo foi grave o suficiente para justificar um caso.

Função

A finalidade da lei de malversação é manter um nível de desempenho na representação. Para provar algum tipo de negligência (o tipo mais comum do caso de negligência), um deve mostrar um nível de incompetência muito além de simples erros de julgamento. O caso, na sua essência, deve ser repetida em qualquer tipo de negligência caso uma vez que a incompetência ou corrupção mostrou-se dentro do gabinete do real. Portanto, o julgamento torna-se um “caso dentro de um caso.”

Efeitos

Este corpo de lei força advogados para servir os seus clientes o melhor da sua capacidade. As áreas mais comuns para os casos de imperícia jurídica são conflitos de interesses ou falta de comunicação entre advogado e cliente. Todos estes podem ser colocados em violação de contrato ou a rejeição do “dever fiduciário” que coloca o contrato sobre o advogado. A maioria dessas causas de acção se sobrepõem.

Considerações

A “regra de julgamento do advogado” sustenta que erros no acórdão o julgamento de um caso não são práticas condenáveis. Enquanto a decisão final cabe a lei de juiz e o Estado, apenas brutos erros de julgamento, aqueles falando a incompetência extrema ou desprezo, nunca podem ser processados. Retrospectiva erros nunca são uma causa para a ação. O conceito básico é isso “, mas a negligência” teria sido o caso ganhou ou danos maiores. Esta perfeita correlação entre incompetência jurídica ou negligência e o resultado do julgamento deve ser provada.